quem diria?

“Quem diria que viver ia dar nisso?”

É. Essa sou eu citando Caio Fernando Abreu.

Mas ah, quem diria?
Quem diria que um sim se transformaria num não? Uma nova chance se transformaria numa ferida? Uma viagem se transformaria numa transição? E um beijo em um novo romance?

Eu não li isso no Manual de Instruções.

Acabei mudando um monte de coisa. Mudei layout, mudei about. Fui atrás de um emprego. E acho que até que vou conseguir.

Pessimismo, cadê você?

Mais uma vez, minha mãe bancou meu ‘ticket outta loserville’. Lá vou m’imbora pra o Rio de Janeiro de novo. Existe amor lá. E eu vou atrás desse amor, por que eu tô merecendo.

Quem diria, não é? Quem diria…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s