sobre o que eu aprendi com o amor (ou o que seja tudo isso)

Eu sou do tipo de pessoa que desliga só desliga o telefone dizendo ‘eu te amo’ e que espera um ‘eu te amo também’ (por que só o ‘também’ não convence).

Eu sou do tipo que se importa com um ‘feliz dia dos namorados’, por que, independente do que for, uma data comercial, boba, que seja, desejar um ‘feliz dia’ é sempre algo bom pra colocar um sorriso no rosto de alguém.

Eu sou do tipo que cai de boca em um bem casado e fica ouvindo Journey pra tentar esquecer que ontem, dia dos namorados, foi um dia ruim, chato, irritante e que eu só queria que acabasse.

E acabou.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s